Qual a composição da argila?

A argila é a matéria-prima principal utilizada na produção de tijolos e diversos materiais cerâmicos. A produção dos tijolos cerâmicos inicia na extração da argila, mas qual a composição desse recurso natural?

De acordo com a Associação Brasileira de Cerâmica, “a argila é um material natural, de textura terrosa, de granulação fina, constituída essencialmente de argilominerais, podendo conter outros minerais […] (quartzo, mica, pirita, hematita, etc), matéria orgânica e outras impurezas. Os argilominerais são os minerais característicos das argilas; quimicamente são silicatos de alumínio ou magnésio hidratados, contendo em certos tipos outros elementos como ferro, potássio, lítio e outros.

Graças aos argilominerais, as argilas na presença de água desenvolvem uma série de propriedades tais como: plasticidade, resistência mecânica a úmido, retração linear de secagem, compactação, tixotropia e viscosidade de suspensões aquosas que explicam sua grande variedade de aplicações tecnológicas. Os principais grupos de argilominerais são caulinita, ilita e esmectitas ou montmorilonita.”. Geralmente os argilominerais ilita são encontrados nos produtos fabricados com cerâmica vermelha, que é o caso dos tijolos.

Na Cerâmica TupiGuarani as argilas são extraídas em jazidas em um raio máximo de 40km da empresa, através de escavadeiras hidráulicas e caminhões caçamba. São trazidas para os pátios externos da empresa, onde permanecem por cerca de um ano a fim de fazer o sazonamento – processo com o objetivo de reduzir o excesso de materiais orgânicos e sais indesejado – para atingir a nossa exigência de qualidade.

Saiba mais sobre nosso processo de fabricação e produtos.

Siga também nas redes sociais

Facebook Instagram

Até a próxima.

Comentários

0 comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *